10 julho 2009

O PODER LOCAL


Muitos presidentes de juntas de Freguesia são efectivamente homens de outros tempos que vêem no partido o seu senhor, nos partidos da esquerda o diabo e nas tecnologias, os instrumentos do inferno.

Outros, entendem que o lugar das mulheres continua a ser na cozinha e o dos homens nos cafés. Mostrar anseios, interesse pela sua terra, preocupação com o presente ou o futuro, é que não pode ser. Para isso, já há o partido, e eles próprios.

É nesta pobreza franciscana que o concelho do Sabugal e o país, se vão afogando inexoravelmente, na idiotia generalizada, na estupidez empedernida em conceitos infundamentados, destas almas simples e obedientes que, incapazes de um pensamento, fazem o que lhes dizem.

Sem comentários: