06 Abril 2008

BARRAGEM DO SABUGAL

PLANOS DE EMERGÊNCIA


A barragem do Sabugal, desde que entrou em funcionamento, não foi notícia de televisão ou jornal por causa de situações de emergência. Ainda bem!
Todas as barragens têm um Plano de Emergência. E o Regulamento de Segurança de Barragens preconiza que se deve desenvolver um documento onde estejam definidas as regras e as recomendações relativas aos controlos de segurança.
Os Planos de emergência têm em vista uma rápida e adequada intervenção das autoridades e da população potencialmente afectada no caso de ocorrência de um acidente na barragem. É um documento que determina as obrigações hierárquicas e funcionais dos principais intervenientes, fixando as respectivas missões e coordenações dos meios materiais, recursos técnicos e humanos necessários para fazer face ao acidente e obriga também à definição de zonas de risco e de exercícios periódicos, entre outras obrigações.
Há em Portugal muitas barragens e há gente que se preocupa em manter os Planos de Emergência em estado de rápida intervenção, como demonstram as fotos a seguir. E até procuram ajuda e colaboração de "nuestros hermanos", pois, o exercício periódico de "acidentes simulados" para além de obrigatório, serve de aperfeiçoamento dos procedimentos a realizar numa situação real.








Será que as populações de Sabugal e Malcata podem confiar numa rápida e adequada intervenção da corporação dos Bombeiros Voluntários do Sabugal no caso de ocorrência de um acidente ou de uma situação de emergência com origem na albufeira da barragem do Sabugal?
Que meios técnicos, materiais e recursos humanos possuem os Bombeiros do Sabugal e outras entidades responsáveis pela Segurança das populações?
Antes que nos assaltem a casa devemos tomar providências para evitar males maiores.O nosso concelho nos meses mais quentes é refúgio para muitos e como nem todos têm dinheiro para pisar areia e molhar os pés na água do mar, mergulham nas águas calmas e cristalinas da barragem do Sabugal. Era bom que as autoridades investissem na prevenção e em meios materiais,técnicos e humanos para uma efectiva segurança daquelas pessoas que aqui vivem e também dos que nos visitam.

Sem comentários: